Translate

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Desejo-te em Poesia






" Desejo-te em Poesia "

E o que ela mais queria,

era transformá-lo... em poesia
Descrever em palavras
aquele encontro de Almas ,
Almas, tomadas de emoções,
que se alimentavam de paixão,
que transbordavam de desejos,
E mesmo, que em pensamento,
Ela queria ter os lábios
a percorrer cada linha daquele corpo viril.
sentir aquele corpo estremecer
a cada toque...


... E Ele em cada suspiro, 

Queria sentir a entrega, 
A devoção... 
desejar nunca mais sair daqueles braços, 
Explodir o peito de emoção. 
Querendo que se tornassem apenas um,
Numa entrega que não teriam como fugir, 
Que durasse... durasse mais que os próprios desejos, 
Que os consumiam fervorosamente.

Ela : 

"E diante desse abismo,
entre o nosso SENTIR e o nosso TOCAR,
feche os olhos meu amor...
e deixe tua imaginação te trazer pra mim,
deixe que tuas emoções se transformem em palavras,
porque elas, darão vida à esse nosso SENTIR,
elas ... serão o toque,
que tuas mãos não podem me dar.
Acredite ! Sinta ! Entregue-se pra mim! "

Ele: 

" Nos entregamos nesse querer, 
Nessa loucura que nos domina, 
nossos corpos juntos, incendiando nossa cama,
tendo como testemunhas nossos lençóis e as paredes... 
Nos entregamos de corpo e alma, 
te profano a boca, 
teu corpo e tua alma... 
Porque sou todo teu 
e tu és minha. "

( duo Br@ve He@rt e Roberto Oliveira)